A Serra Mágica

Chegámos ao final da trilogia do treino solitário na Serra de Sintra e tentei deixar o melhor para o fim... Além dos ensinamentos que tirei do treino e daqueles que apliquei pela primeira vez e que espero vos tenham/venham a ser úteis há algo que me acontece sempre que treino na Serra de Sintra... O sentimento de que aquela é a minha "casa", a sensação de paz que transmite, a sensação de força, tudo conjugado em vistas que davam autênticos cenários de filmes! Algumas das imagens estão conjugadas no vídeo editado pela minha irmã em relação ao último treino que fiz que se econtra no final do post. Bem vindos, amigos, à Serra de Sintra. 

Começaram o ano passado, as minhas visitas a Sintra! Precisava de meter quilómetros, mais concretamente em Serra e não havia maneira de o fazer por Lisboa, não conhecia rigorosamente nada... Foi então que falei com o Pedro Crispim, ele já tinha feito alguns treinos na Serra de Sintra e podia-me encaminhar. Foi assim que pela primeira vez visitei a Barragem do Rio da Mula, um lugar muito calmo, longe da população onde se podem passar ótimos momentos! Daí partimos para uma das subidas mais longas que conheço numa serra com apenas 529m de altitude máxima... Basicamente era subir desde o ponto mais baixo da serra até um dos pontos mais altos! O trilho foi praticamente todo feito em estradão mas sem nunca perder a inclinação tão característica desta serra. Depois disso seguimos novamente em direção à Peninha, um local com demasiado simbolismo para mim: para quem me conhece sabe que adoro mar, adoro água e poder conjugar esse mar com a Serra é simplesmente maravilhoso! E a peninha consegue fazer isso... E de que maneira! Da peninha conseguimos ver as praias mais próximas, conseguimos ver a Serra de Sintra a desenrolar-se por todos os lados e nos dias limpos, até a margem sul se vê, com a Serra da Arrábida a elevar-se destacadamente! 


Vista da peninha, num dia em que o céu não se mostrava completamente "limpo"

É o auge do trail para mim, juntar mar e várias serras, em paisagens de cortar a respiração... Depois de uma curta paragem para as selfies seguimos em direção a outro ponto de destaque, a Torre de Vigia. Neste ponto voltamos a ter uma vista soberba e conseguimos ainda unir em linha de vista dois dos pontos mais interessantes desta Serra, o Palácio da Pena e a Peninha e ali ficamos encurralados entre estes dois monumentos com uma beleza que intimida! 

Vista para o mar da Torre de Vigia. Ligeiramente à esquerda do marco, ao fundo, encontra-se a Peninha

E para esse dia o treino ficou feito mas mais ainda havia por revelar... Regressei mais algumas vezes a esta Serra e conheci os caminhos por onde passei neste último treino onde fui filmando as minhas passagens! Estes caminhos que deixaram praticamente os estradões para trás, percorrendo single tracks, no mínimo, fantásticos! Partindo da Lagoa Azul, mais um ótimo recanto onde passar umas belas tardes com a família no Verão, há uma subida que une vários single tracks (primeira subida que aparece no vídeo) e que é simplesmente fantástica... Além de permitir correr sempre (haja pernas), outra das características da serra, requer alguma tecnicidade e com vistas muito boas! Depois a descida correspondente onde passamos por alguns trilhos preparados para btt mas que são utilizadas pela malta do trail também... São perfeitas para quem gosta de se divertir nas descidas! Depois o acesso à Barragem do Rio da Mula e a subida direta à Torre de Vigia com uma vista fenomenal, tal como está retratado no vídeo. De seguida descemos pelo Trilho das Pontes, um single track do mais bonito que podemos encontrar que vai serpenteando a ribeira por trilhos algo técnicos que requerem alguma atenção mas que nos dão uma sensação de divertimento puro! E o melhor é que para quem não gosta de trilhos técnicos, há um estradão mesmo ao lado, podendo toda a sair sair com os índices de diversão elevadíssimos daqueles trilhos! 

A meio da subida dos morangos em mais um treino com o Crispim

E o melhor que esta Serra tem é que em conversa com a enorme comunidade de malta que lá treina (apanho sempre gente por lá quando treino) ainda há mesmo muito por explorar e trilhos soberbos por descobrir... Assim que possível tenciono passar mais tempo neste local! Aconselha-se a todos os que não conheçam a modalidade e se queiram apaixonar imediatamente! E para quem já pratica, é um ótimo sítio para fazer todo o tipo de treinos: desde rampas no Kamikaze até um treino de 16kms em estradão fácil mas com desnível, podemos encontrar verdadeiramente de tudo! Fiquem então com o vídeo editado pela minha irmã (se a qualidade do realizador fosse tão boa como da editora, ficava um vídeo 5*)... Espero que gostem:


A diversão está sempre garantida, a tranquilidade transmitida pela serra também, o desnível em perfeita comunhão com a velocidade estão sempre presentes e embora durante o treino isso não se sinta muito (nunca fiz mais de 20kms seguidos por lá), o empeno é sempre garantido! Espero que vos tenha deixado com o "bichinho" que esta serra transmite e que vos encontre por lá a treinar. 

Comentários

Mensagens populares